quarta-feira, janeiro 16, 2008

Caminhar com gosto


Enquanto o Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental de Vila do Conde (CMIA) continua a dedicar-se a outras coisas que não a monitorização (pelo menos não divulgam dados), como as baleias por exemplo, parece que o Clube Fluvial Vilacondense e a Associação de Protecção ao Património Arqueológico estão mais atentos à ROM, propondo para o próximo dia 19 um interessante programa, para o qual pediram a nossa colaboração. Mais informações aqui.

2 comentários:

rouxinol de Bernardim disse...

As "baleias" é importantíssimo! e... os "dinossauros" também!

Séforis disse...

É porque se calhar foi uma das baleias que consegui ir dançar ao dragão :-)) e isso é importante. Ok. também era importante encontrar lá um dinaussauro. Mas isso é o que lá não falta :-))) Um abraço caro campeão (que remédio...os pontos já são tantos que até dá para uns espectáculozitos de dança pelo meio)