domingo, maio 13, 2007

CMIA (III)



olá "espécie invasora"!

ora bem, antes de mais uma confissão. sim, estou "ressabiado". por 4 razões: 1) apresentei uma proposta de parceria para a dinamização do CMIA CMVC/Amigos do Mindelo, para a qual nunca tive resposta; a CMVC preferiu o CIIMAR (onde trabalham pessoas excelentes, diga-se, em abono da verdade); 2) a CMVC/CIIMAR contratou pessoas de uma forma um pouco... digamos, tendenciosa, preterindo uma amiga minha que seria uma contratação (quase) inevitavel dada a sua experiencia; 3) a CMVC/Governo desperdiçou muito dinheiro nosso com o CMIA, já que o centro ciencia viva, ali bem perto, assume praticamente a mesma vocação; 4) o CMIA foi usado de forma vergonhosa com fins politicos, antes das ultimas eleições autarquicas, com aquela inauguração "forçada". Bem, agora que abri a porta do armario e deixei sair os esqueletos, posso dizer que continuo com as maiores expectativas face ao trabalho a desenvolver pelo CMIA, ao contrario de muita gente (eu já dei o meu contributo ao picar-vos). E acho óptimo que façam visitas à ROM e a Mindelo. Duvido é que queiram mostrar toda a verdade dos últimos 50 anos.

Aproveito a proposito para sugerir um outro itinerário para uma visita: a antiga pedreira, cheia até cima de lixo (segundo soube, do parque de campismo), onde existe o mais fantastico conjunto de sobreiros da ROM. Curiosamente, mais uma área ratada à anunciada paisagem protegida...

PS. como já reparaste, a imagem é de um medronheiro, que não é uma espécie invasora... ofereceram-me um nos anos e já está plantado num dos "jardins da ROM". é, passo a vida a criticar, eu sei. e tu?

7 comentários:

seforis disse...

Ai. Lá está o mau feitio :-)

Anónimo disse...

Olá

A seu tempo irás constatar que afinal o CMIA e Ciência Viva conseguem coabitar muito bem em Vila do Conde. Temos a mesma preocupação ambiental, mas que eu saiba o Ciência Viva não realiza monitorizações da qualidade das águas das praias, rio e afluentes, nem determina o estado bacteriológico e micológico das areias. Isto é uma pequena diferença e não vou agora escrever aqui toda a panóplia de objectivos que nós queremos atingir. Não há nada como visitares este belissimo local. A partir do dia 5 de Junho vamos ter uma grande exposição, nunca vista por estas bandas.

PS. Eu como especie invasora, descobri recentemente este blog e se não te importares vou comentando de vez em quando (quero manter-me informado). E é muito bom quando um autor vai recebendo uns "desembarques" de vez em quando.

subscrevo-me com os melhores cumprimentos,

Asdruval Pinheiro

bravosdomindelo disse...

ora muito obrigado pela visita e pelo comentario. mas quando pensava na sobreposição de objectivos estava a pensar justamente nas analises das aguas das praias e rio ave (e poços) e areias que o centro ciencia viva já fez e faz. como nao sabes disso? mas é certo que o CMIA tem muito por onde crescer... e tenho esperança que se dedique fortemente à ROM (coisa que CCV nunca fez).
nós por cá iremos apresentar-vos em breve propostas de parceria...

seforis disse...

Ora aqui está um dialodo interessante :-). Pena não perceber nada do que se vai dezendo :-) A seu tempo lá chegarei...

Anónimo disse...

Bom dia

É obvio que sabia que eles realizam ánalises de águas superficiais,subterraneas,de consumo humano e afins, mas monitorizar a qualidade destas é completamente diferente. Temos um laboratório com um excelente equipamento e métodos analiticos implementados que nos permitem ter confiança nos resultados e poder compara-los com os da CCDR-N. Não trabalhamos com kits nem testes rápidos para saber quantos estreptococos fecais existem na água.

Seguidamente iremos controlar também a qualidade do ar e ruído.

P.S. Ainda não conheço bem os trilhos na ROM. Tem locais onde eu possa passar de bicicleta e apreciar a paisagem?

P.S.1 - Venham as propostas Senhor Presidente.

Asdruval Pinheiro

Anónimo disse...

Bom dia

Já me esquecia...

www.cmia-viladoconde.net

Asdruval Pinheiro

Continuação de bom trabalho

bravosdomindelo disse...

ora ca vai a minha proposta, para responder aos P.S.: um convite para um passeio na ROM